«Homem Máquina» Bizarra Locomotiva


Os Bizarra Locomotiva foram dos projectos mais interessantes, inovadores e dinâmicos que surgiram nos últimos anos em Portugal.

Muitas destas qualidades devem-se a Armando Teixeira - para muitos um dos maiores magos da música em Portugal, em especial em relação a tudo o que meta digital pelo meio -, mas seria injusto esquecer neste disco a participação de Rui Sidónio e o multifacetado Miguel Fonseca.

Ao fim de um hiato de cinco anos, o caminho trilhado em «Homem Máquina» é óbvio e não vai surpreender quem já esteja familiarizado com o passado deste (agora) trio lisboeta: rock, de sintonia pesada e enérgica, de pura herança industrial.

Fica-se, no entanto, com algumas saudades de «Bestiário» (1998). Ainda que se fique com a sensação que o retorno amiúde dos elementos do grupo ao projecto só possa vir a ser benéfico. Aguarda-se pelas próximas aventuras.

Bizarra Locomotiva
«Homem Máquina»
Metrodiscos/Zona Música

  • Imprimir
  • Partilhar

Comentários

Todos os comentários estão sujeitos a moderação. O DiscoDigital reserva-se o direito de apagar os comentários que não cumpram as regras de utilização. Os comentários publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.